quarta-feira, 30 de maio de 2012

Facebook: ferramenta de espionagem

Vejas detalhes de como o Facebook age com suas informações confidenciais e como o estudante de direito Max Schrems descobriu tudo por trás da ferramenta de espionagem do Sr. Mark Zuckerberg.


sábado, 26 de maio de 2012

HAARP: Manipulação da gravidade e do TEMPO


“E tratarão de mudar os tempos e as leis”... Dan.7:25
Um físico brilhante (maiores informações sobre ele no artigo de baixo) publicou um livro revolucionário citando 30 outros trabalhos científicos que revelam que HAARP tem incríveis poderes muito além do que suspeita a maioria dos investigadores da tecnologia de energia de alta freqüência. "Fran Garcia de Aquino Filho" afirma que uma rede totalmente funcional do HAARP, ativada globalmente, pode não só afetar o clima e eventos geofísicos, mas influir no espaço, na gravidade e inclusive no próprio tempo! Agora, a rede está quase completa com a ativação das mais recentes instalações do HAARP na parte inferior do mundo: a desolada Antártida. Os mestres do HAARP tornar-se-ão os mestres do tempo também?

Aqui lembramos que o HAARP, com as suas 180 antenas, é definido como um "aquecedor ionosférico", pois pode gerar feixes de ondas electromagnéticas de alta frequência enviadas até a ionosfera. Oficialmente, por razões de “pesquisa científica”. A potência desta estrutura é, sempre oficialmente, de 3.6 Megawatt (pouco mais de 3 milhões e meio de Watts), embora as suspeitas apontem para valores superiores. Sabemos também que o HAARP não é a única estrutura deste tipo: simplesmente é a mais conhecida.

Outras:
Noruega: Projecto EISCTA (potência 1.000 Megawatts)
Rússia: Projecto SURA (190 Megawatts)
Porto Rico: Arecibo Observatory (300 Megawatts?)
Estados Unidos: HIPAS (70 Megawatts)

Maiores informações no vídeo abaixo. Infelizmente as informações estão em inglês.

Teoria do brasileiro Fran de Aquino revolucionaria a física

Fórmula total
Quando li O Tal da Física, o autor dizia que o grande problema da Física do século XX (e talvez XXI) seria justamente unir a física quântica (que trabalha com partículas subatômicas) e a teoria da relatividade (que considera comportamentos associados a grandes velocidades).


Há pouco, li uma matéria de um professor que trabalhava na Universidade Estadual do Maranhão, chamado Fran De Aquino (visite o site oficial). O físico simplesmente unificou as duas teorias em uma única fórmula, que englobaria "todas as leis da física (incluindo as equações de Einstein), todas as forças da natureza - a proverbial teoria de tudo. Esta grande e unificada teoria inclui Filosofia, Deus (incluindo aspectos femininos), e a Alma. Não está restrita apenas ao mundo material".

O feito do cientista não se restringe a juntar uma série de letrinhas numa equação. Na prática, se for confirmada a teoria, poder-se-ia criar uma máquina anti-gravitacional.


Funciona assim: ele descobriu que há uma relação direta entre a energia absorvida por um corpo e sua massa gravitacional, independente de sua massa inercial. Significa que você pode alterar a ação da gravidade em um corpo através de campos magnéticos.


Sabemos que os metais respondem bem a estímulos magnéticos e muitas vezes flutuam. A proposta nova é que qualquer material poderia ter essa propriedade. É só saber onde mexer.


Tudo bem, qualquer idiota pode escrever uma bobagem e botar na internet. O interessante é que, nesse caso, alguns governos interessaram-se pela experiência (infelizmente, não o nosso).


Como todo louco que se preze, ele fez um livro sobre física quântica e espiritualidade, chamado Física dos Milagres. Baixe Aqui!.


É claro que é cedo para dizermos que o que ele fez vai realmente revolucionar o modo como vivemos e vemos o mundo. Ainda é necessária a comprovação dos estudos por outros cientistas ao redor do mundo.


Fonte do último artigo: http://www.lucianopinheiro.net/portal/?q=node/52

terça-feira, 22 de maio de 2012

Vacina contra gripe e seus perigos

A Dra. Sherri Tenpenny revela dados que mostram que mais de 3500 mulheres grávidas foram vítimas de aborto espontâneo dias após serem inoculadas com a vacina contra a gripe, em 2009. Crianças de até 5 anos têm sofrido convulsões após serem vacinadas, e muitos outros efeitos colaterais têm sido reportados.











segunda-feira, 14 de maio de 2012

Mundo não acaba em 2012

Textos maias não mencionam apocalipse daqui a dois anos, diz cientista

O mundo deverá passar ileso pelo ano de 2012, a julgar pelas declarações de Carlos Pallán, diretor do Acervo Hieróglifo e Iconográfico Maya do Instituto Nacional de Antropologia e História do México. Há alguns anos lendas dão conta de que os povos maias teriam deixado provas de que a vida no planeta se findaria em 2012 - a história deu à luz até um filme, de título homônimo.
Para Pallán, Em nenhum dos 15 mil textos existentes dos antigos maias está escrito que em 2012 haverá grandes cataclismos. O cientista disse que estas versões apocalípticas foram geradas em publicações esotéricas nos anos 1970, que assinalavam o fim da civilização humana para 2012, data que coincide com o décimo terceiro ciclo no calendário maia, no dia 21 de dezembro.
“Os maias jamais mencionam que o mundo vai acabar, jamais pensaram que o tempo terminaria em nossa época, o que nos reflete à consciência que alcançaram sobre o tempo, a partir do desenvolvimento matemático e da escritura”, destacou.
Pallán ainda explica que a data correta para o final do ciclo é 23 de dezembro de 2012 - e não 21, como vem sendo veiculado.
Na pior das hipóteses, caso as observações do cientista estejam erradas, teremos dois dias a mais de vida no planeta. 

(com agências internacionais)
Fonte: Veja
OBS: A verdade é que ninguem sabe exatamente quando chegará o “fim do mundo como o conhecemos”, mas de acordo com os sinais descritos na Bíblia, estes dias não estão muito distantes. 

domingo, 6 de maio de 2012

O Aquecimento Global é uma Mentira!?

"O aquecimento global é uma mentira", é o que afirma o Climatologista Ricardo Augusto.

quarta-feira, 2 de maio de 2012

Os últimos a saber

Outro dia o climatologista Ricardo Augusto Felício deu uma divertida entrevista no Programa do Jô, mostrando a fraude do "aquecimento global" - aquele que, quando a Terra esfria, vira "mudança climática". O Facebook ficou em polvorosa. Puxa vida! Estávamos sendo enganados? Pois é.

Outro dia, também, o físico James Lovelock, o pai da fraude global, admitiu que estava "errado", que "nada está acontecendo", que era tudo alarmismo, inclusive os dois livros dele. Agora ele vai escrever outro, corrigindo a si mesmo, assim pode faturar com os três. Puxa vida! Estávamos sendo enganados? Pois é. 

Poucas coisas foram tão desmoralizadas nas últimas décadas quanto as mentiras apocalípticas dos "aquecimentistas" e seus garotos-propaganda (Al Gore, Tim Flannery, Leonardo DiCaprio e cia.). Mas o brasileiro, mesmo alfabetizado, é sempre o último a saber, porque ainda se deixa orientar pela TV e os jornais.

Agora a 3ª Turma do STJ reconheceu o direito de uma mulher de 38 anos receber uma indenização de R$ 200 mil de seu pai. O "crime" dele: "abandono afetivo". Isso mesmo: não bastasse a Lei da Palmada, os filhos ainda podem processar os pais por não lhes dar a devida atenção. No fim das contas, é mais um incentivo ao aborto. No caso das cotas, é evidente que, ao facilitar a entrada de um aluno intelectualmente despreparado na universidade, também serão facilitadas suas aprovações durante o curso. Em resumo: "Seu tataravô foi escravo? OK. Tome o diploma e o bisturi. Pode operar os outros, doutor (desde que os outros não sejam eu)". Nossos juízes estão promovendo a desconfiança generalizada entre pais e filhos, entre brancos e negros (sem falar em gays e héteros, cristãos e ateus, maridos e esposas, índios/sem-terra e fazendeiros).

É assim um país petista, onde o sentimentalismo é a base do conhecimento, da moral e até das leis: uma guerra de todos contra todos, "vítimas" contra vítimas, mediada pelo estado e revelada com 20, 30, 40 anos de atraso, com sorte, no Programa do Jô. Puxa vida! Estamos sendo enganados? Pois é.

Fonte: http://www.midiasemmascara.org/artigos/governo-do-pt/13035-os-ultimos-a-saber.html