sábado, 31 de março de 2012

A Cartada Final: Invasão Alienígena

De acordo com Von Braun, primeiro os Russos seriam considerados os inimigos do mundo, e para isso precisaríamos de armas no espaço, depois seriam os terroristas. Então alguns países de terceiro mundo “nações preocupantes”, seriam considerados o terceiro grande inimigo, motivo pelo qual precisaríamos construir armas no espaço. O próximo seriam asteróides... E o inimigo final seriam supostos alienígenas, a cartada final...


terça-feira, 27 de março de 2012

BRIC e África do Sul se preparam para derrubar o dólar


Nesta semana, a África do Sul irá tomar alguns passos iniciais para derrubar o dólar como sendo a moeda mundial preferida para o comércio e investimento nas economias emergentes.


Sendo assim, espera-se que a nação endosse a moeda chinesa, o renminbi, como moeda de troca em mercados emergentes.

Isto significa que obter uma conta bancária em reniminbi, além de ter uma conta em dólar, poderia ser vantajoso para empresas Africanas que procuram fechar negócios com mercados emergentes.

O movimento é definido para desafiar a supremacia do dólar. Este, de acordo com os especialistas, é a mais recente salva, na maior guerra cambial mundial desde 1930.
Nos anos 30, várias nações competitivamente desvalorizaram suas moedas para dar vantagem as suas economias nacionais sobre os outros. E isso resultou em um declínio mundial no volume de comércio global da época.

O norte será colocado contra o sul inteiro em uma batalha histórica de cambio competitivo - cujo terreno se mudou para a capital indiana, Nova Deli - onde as nações BRIC (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul) se reunirão na próxima semana.

A China tenta encontrar novos mercados para a sua moeda e fazer lobby para internacionalizar sua moeda pelas nações BRIC.

Para a China este não é um novo jogo. Em 2009, altos funcionários bancários chineses emitiram uma declaração afirmando que o sistema monetário internacional é defeituoso devido a uma dependência doentia em relação ao dólar dos EUA, e exigiram uma moeda "super-soberana" de reserva internacional.

Especialistas dizem que a primeira meta de Pequim é de internacionalizar a sua moeda (expandindo seu alcance para além da China), liberalizar-lo (para permitir que seu valor seja determinado pelo mercado, ao em vez de gerenciar ativamente como fazem atualmente), e depois torná-la uma moeda de reserva para muitas das nações em desenvolvimento no mundo.

O maior banco da África, o Standard Bank, afirma em um documento de pesquisa: "Esperamos que pelo menos US $100 bilhões (cerca de 768 bilhões de rands) em comércio Sino-Africano - mais do que o total do comércio bilateral entre China e África em 2010 – seja saldado em renminbi em 2015."

O banco prevê que o uso do yuan vai diminuir os custos de transacções na África, reduzindo assim os obstáculos para fazer negócios.

Ele também diz que os chineses terão mais sucesso transacionando em renminbi na África do que em qualquer outro lugar porque a maioria das moedas são fracas e localizadas.

Não só o dólar dos EUA sera desafiado, mas também o regime internacional financeiro inteiro - liderado pelo Banco Mundial e o Fundo Monetário Internacional - que tem sido dominante desde o fim da Segunda Guerra Mundial.

O lugar da África do Sul no emergente regime financeiro internacional está previsto a melhorar.

Zou Lixing, vice-presidente do Instituto de Pesquisa do China Development Bank, disse na reunião preparatória do BRIC recentemente que "embora o agregado econômico da África do Sul seja pequena em relação aos BRICs, a África do Sul fornece uma porta para os BRICs obterem acesso ao enorme mercado Africano."
As cinco nações-membro, coletivamente, pediram o fim do acordo tácito entre os EUA e a Europa, que garante que o chefe do Banco Mundial é um cidadão americano e que o chefe do Fundo Monetário Internacional seja europeu.

Eles propuseram que um candidato dos mercados emergentes seja “posto em campo” quando o prazo do atual chefe do Banco Mundial, Robert Zoellick, terminar daqui a três meses.
A Fundação Vargas, um membro da delegação brasileira, disse que BRIC tem capacidade de enfrentar "as estruturas de governança existentes", e procurar reforçar a influência dos blocos nas instituições estabelecidas, como o Banco Mundial e o Fundo Monetário Internacional, criando alternativas.

A demanda por maior participação política nos assuntos internacionais se encaixa com o aumento esperado da China como uma superpotência financeira nos próximos oito anos.
Vargas mostrou as projeções das reuniões preparatórias, indicando que a economia da China irá ter superado a dos EUA em 2020, portanto, justificando a promoção do yuan como moeda preferida do sul.

O renminbi tem sido tradicionalmente negociado a uma taxa de câmbio deliberadamente menor, o que deu um enorme impulso nos setores de economia doméstica da China permitindo sua expansiva industrialização e crescimento.

Os EUA e outros parceiros comerciais tem acusado há muito tempo, a China de ser uma "manipuladora de moeda."

Na semana passada, o Brasil declarou seu compromisso em manter sua própria moeda - o real - em baixa. O ministro da Fazenda, Guido Mantega, reiterou sua declaração dada em novembro de 2010 de que uma guerra cambial mundial eclodiu.

Ele disse: "Nós não queremos perder nosso setor manufatureiro. Nós não vamos sentar e assistir outros países desvalorizarem as suas moedas.".

"Uma dose de 'Flexibilização Quantitativa' deve reanima-lo."
Brasil e China protestaram no ano passado, quando através de uma série de iniciativas apelidados de QE2 - quantitative easing 2 - os EUA indiretamente desvalorizou sua moeda, bombeando cerca de $ 600 bilhões em sua economia para impedir a economia de deslizar de volta à recessão.

Economistas sul-africanos estavam divididos com relação aos movimentos para estender a influência do renminbi.

O economista e acadêmico Pedro Draper disse a City Press recentemente que a decisão de criar um banco de desenvolvimento BRIC e axpandir a alçada do renminbi "é política e relacionada as dinâmicas atuais políticas dentro do Banco Mundial" e o sistema financeiro internacional estabelecido.

Tom Wheeler do Instituto Sul-Africano de Assuntos Internacionais disse que desenvolvimentos na Nova Délhi (Índia) estavam "dando substância ao bloco econômica que houvera sido frouxamente organizado."

Fonte: http://www.citypress.co.za/Business/News/Brics-move-to-unseat-US-dollar-as-trade-currency-20120324

sexta-feira, 23 de março de 2012

Engano mundial com SINAIS E PRODÍGIOS DE MENTIRA

Estaria o Projeto Blue Beam Sendo Preparado Para os Jogos Olímpicos de 2012?


"Uma manifestação eletrônica "sobrenatural" universal, destinada a enganar faria com que a humanidade acreditasse que uma invasão alienígena é iminente, fazendo com que os cristãos acreditem que o arrebatamento é iminente"

O Projeto Blue-Beam, segundo alguns, é um plano super secreto orquestrado em parte pela NASA, e que em quatro etapas tentaria nada menos que forjar o primeiro ataque de falsa bandeira global, com a ajuda da tecnologia holográfica tridimensional.


De acordo com Serge Monast, o Projeto Blue Beam será composto de quatro etapas: culminando em uma espécie de apocalipse de radiação ELF (Frequencia extremamente baixa):

Na primeira, terremotos iriam expor novas descobertas arqueológicas, que supostamente revelariam que as doutrinas mais básicas de todas as religiões foram incompreendidas e mal interpretadas.

Na segunta etapa, a imagem de Deus falando em todas as línguas iria aparecer em um show espacial gigantesco com projeções de laser de imagens holográficas tridimensionais em todo o mundo.

Na terceira etapa, telepatia eletrônica envolvendo ondas ELF, VLF (Frequências Ultra Baixas e LF (Baixa Frequência) atingiria os cérebros das pessoas, entrelaçando com o pensamento natural para formar um pensamento artificial difuso e fazendo com que todos acreditassem que Deus está falando com eles de dentro de suas próprias almas.

Na quarta etapa, uma manifestação eletrônica "sobrenatural" universal, destinada a enganar faria com que a humanidade acreditasse que uma invasão alienígena é iminente, fazendo com que os cristãos acreditem que o arrebatamento é iminente e aos demais de que alienígenas vêm para resgatá-los, e também para convencer a todos de que forças satânicas sobrenaturais e manifestações penetrando em todo o mundo, que viajam através da fibra óptica, cabo coaxial, elétrica e linhas telefônicas, estão em toda parte e seriam inescapáveis.

A PREVISÃO DE VON BRAUN

Dr. Wernher von Braun previu que a falsa invasão alienígena seria a primeira ameaça que o mundo iria enfrentar após a ameaça da guerra do Oriente Médio. A Dra. Carol Rosin conheceu Dr. Wernher von Braun em fevereiro de 1974.

Foi nesta época, pouco antes de sua morte em 1977, que von Braun atordoou a Dra. Rosin descrevendo este plano, ponto a ponto, bem como os detalhes descrevendo exatamente onde tudo isto levaria: um controle planetário sob um opressivo governo único (ou uma nova ordem mundial).

Segundo a Dra. Rosin, von Braun em seguida deu-lhe uma tarefa suprema para impedir este plano: parar a militarização do espaço.

Não fazê-lo traria a calamidade para a raça humana quando um poder secreto transnacional, já existente, iria permanentemente assumir o controle do planeta através de uma falsa invasão alienígena a partir do espaço.

PLANEJADO PARA OS JOGOS OLÍMPICOS DE 2012?
O pesquisador independente Rik Clay em 2008 também veio a público com suas investigações, ligando as Olimpíadas de 2012 com Sião (Zion) e as falsas invasões de OVNIs com a vindoura Nova Jerusalém.

Um olhar mais atento sobre um vídeo (em inglês) sobre a construção em 2012 do estádio olímpico vai revelar que símbolo olímpico de 2012 claramente contém a palavra "Sião" (Zion).

Para a ligação entre os Jogos Olímpicos e Sião ver também este documento detalhado (em inglês).

Nota: Eu não necessariamente compartilho de todos os pontos apresentados neste artigo. Acredito que realmente exista uma possibilidade de haver um ataque forjado utilizando um novo inimigo comum para unir todos os povos. Se isto ocorrerá agora em Londres ou em alguns anos, eu realmente não sei. Eu o traduzi por achar que as informações contidas aqui são importantes.

Nota de "Guerra das Sementes": Por mais que não possamos saber ao certo quando este ENGANO ocorrerá, ou como ele ocorrerá, sabemos que ele IRÁ OCORRER. A Bíblia adverte:

"Ninguém de maneira alguma vos engane; porque não será assim (o dia de Cristo chegar) sem que antes VENHA A APOSTASIA, e se manifeste o homem do pecado, o filho da perdição, ... A esse cuja vinda é segundo a eficácia de Satanás, com todo o poder, e SINAIS E PRODÍGIOS DE MENTIRA" 2 Tessalonicenses 2:3,9
"Porque surgirão falsos cristos e falsos profetas, e FARÃO TÃO GRANDES SINAIS E PRODÍGIOS que, se possível fora, enganariam até os escolhidos." Mateus 24:24; Marcos 13:22

Fonte: http://www.anovaordemmundial.com/2012/03/estaria-o-projeto-blue-beam-sendo.html#more

segunda-feira, 19 de março de 2012

As Olimpíadas e os Protocolos dos Sábios de Sião


Slogan das olimpíadas de 2008 e 2012 esconde o nome Zion (Sião em português). Os fanáticos satanistas buscam escravizar toda população através de um plano politico corrupto e satanista.


quinta-feira, 15 de março de 2012

Projeto Disclosure

“Povos do mundo estamos aqui hoje para desclassificar a verdade sobre um assunto que tem sido ridicularizado, questionado e negado por pelo menos 50 anos...”



“Pois não é contra carne e sangue que temos que lutar, mas sim contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes do mundo (os lordes universais, os poderes cósmicos*) destas trevas, contra as hostes espirituais da iniqüidade nas regiões celestes.” Ef.6:12 *English Standard Version (ESV) Darby Translation (DBY)

domingo, 11 de março de 2012

Disclosure - Revelação

Fenómeno OVNI apoiado por um conjunto de indivíduos altamente aclamados que têm provas suficientes para convencer o mundo a acreditar no que realmente está a acontecer no nosso mundo, em contraste com o que podemos ver por detrás do véu de enganos em massa. As nuvens escuras da mentira. A chamada elite adora mentir para manter o poder sobre todos nós. Este clip de video provém de "SafeSpace UFO Documentary - Fastwalkers Files Disclosure"


quarta-feira, 7 de março de 2012

"Biofábricas": Células de fetos abortados usado em cosméticos!

O aborto e as “biofábricas”


Mulheres vendem fetos abortados (200 dólares por feto) para clínicas de estética na Rússia, que oferecem tratamentos com células-tronco. Para ganharem um dinheiro extra, algumas ENGRAVIDAM APENAS PARA ABORTAR

As experiências de outros países mostra que a legalização do aborto sempre provoca o aumento da sua prática. A região do mundo onde existe a maior taxa de abortos no mundo é a atualmente ocupada pelos países ex-integrantes da União Soviética, onde o aborto é legal e gratuito desde 1921. Parte integrante da estratégia dos partidos comunistas, foi o próprio Lenin quem legalizou o aborto na União Soviética, convertendo-a no primeiro país do globo a ter esta prática legalizada. Hoje nos países da ex União Soviética cada mulher pratica em média 6 (seis) abortos durante os seus anos de fertilidade. Algumas chegam a 30 abortos.
O jornalista e pensador Carlos Alberto Di Franco, em artigo recente, já afirmava: O aborto, estou certo, é o primeiro elo da imensa cadeia da violência e da cultura da morte. Após a implantação do aborto descendente (eliminação do feto), virão inúmeras manifestações do aborto ascendente (supressão da vida do doente, do idoso e, quem sabe, de todos os que constituem as classes passivas da sociedade). Delírio premonitório? Penso que não. Trata-se, na verdade, do corolário de um silogismo dramaticamente lógico. A vida deixa de ser um fato sagrado. Converte-se, simplesmente, numa realidade utilitária”.
De fato, a banalização da vida, seja através do aborto, da clonagem terapêutica ou das experiências com embriões, é o primeiro passo para o surgimento de situações que poderiam se pensar saídas de filmes de horror, frutos de uma imaginação alarmista. Mas a vida mostra através de exemplos que a realidade às vezes supera a imaginação.

A revista VEJA publicou recentemente ( Edição 1920 . 31 de agosto de 2005) reportagem assinada pela jornalista Paula Neiva que mostra um exemplo disso:
As "biofábricas"
Mulheres vendem fetos abortados para clínicas de estética na Rússia, que oferecem tratamentos com células-tronco

A abertura econômica proporcionou uma explosão no mercado dos produtos e serviços de beleza na Rússia. Mercado que inclui bizarrices como um tratamento antienvelhecimento à base de injeções de células-tronco extraídas de fetos. Quatro sessões, ao custo total de 50.000 dólares, seriam capazes de eliminar rugas, aumentar a disposição, evitar a calvície e manter a libido a mil. Tudo balela. Não bastasse a falta de comprovação da eficácia e segurança da terapia, as clínicas de estética que a oferecem se valem do comércio ilegal de fetos abortados como fonte dessas células-tronco. Mulheres jovens e pobres, em sua maioria, são incentivadas a interromper a gravidez por volta do terceiro mês e a vender o feto. O preço: 200 dólares cada um. Para ganharem um dinheiro extra, algumas delas ENGRAVIDAM APENAS PARA ABORTAR. A essas mulheres, inclusive, foi dado o apelido de "biofábricas". A procura pelas injeções de células-tronco é tão grande que já se formou até uma rede internacional de tráfico de fetos abortados entre a Rússia e ex-repúblicas soviéticas, sobretudo a Ucrânia. Em abril passado, um homem com 25 fetos congelados, escondidos em aspiradores de pó, foi preso na fronteira entre os dois países.
Terapias com células-tronco são uma das grandes apostas da medicina. Como têm a capacidade de se transformar em qualquer célula do corpo humano, elas poderão ser usadas, acredita-se, no tratamento de doenças degenerativas graves, como o câncer e o diabetes. As principais fontes de células-tronco são os embriões, os fetos, o sangue do cordão umbilical e a medula óssea. Enquanto os cientistas do Ocidente ainda tentam entender o seu funcionamento, a Rússia já as utiliza em tratamentos antiidade faz algum tempo, embora não haja nenhuma prova de sua eficiência. Há até mesmo uma lei que prevê o uso em clínicas de estética de células-tronco extraídas da medula óssea. Só em Moscou cinqüenta centros oferecem a terapia – a maioria deles com fila de espera.

Desde que foi divulgado que as células fetais podem ser mais potentes do que as de medula, clínicas russas passaram a recorrer às "biofábricas" para obtê-las. Tratamentos estéticos com essa matéria-prima são arriscados também porque não se conhecem os seus efeitos a longo prazo. Além disso, como se trata de uma atividade ilegal, a higiene e a segurança do material não são controladas. "Abre-se a possibilidade de contaminação por uma série de vírus, como os das hepatites", diz o geneticista russo Alexandre Kerkis. Um dos fatores que mais contribuem para a proliferação dos tratamentos com células-tronco fetais na Rússia é a facilidade com que se consegue um feto por lá. O número anual de abortos, o principal método de controle da natalidade naquele país, chega a 2 milhões – o que corresponde a 60% das gestações. E, agora, há as mulheres que abortam por encomenda.

Esse é o tipo de “sociedade” que as organizações pró-aborto (financiadas por agências internacionais), e algumas ações recentes do Ministério da Saúde, querem impor ao Brasil e à América Latina.

Fonte: http://www.portaldafamilia.org/artigos/artigo381.shtml

sábado, 3 de março de 2012

Estudo revela novos indícios sobre ressurreição de Jesus


Nova York, 28 fev (EFE).- Um grupo de arqueólogos e especialistas em assuntos religiosos apresentou em Nova York as conclusões de uma pesquisa que apresenta indícios da ressurreição de Jesus a partir de um túmulo localizado em Jerusalém há três décadas.


"Até agora me parecia impossível que tivessem aparecido túmulos desse tempo com provas confiáveis da ressurreição de Jesus ou com imagens do profeta Jonas, mas essas evidências são claras", afirmou nesta terça-feira à Agência Efe o professor James Tabor, diretor do departamento de estudos religiosos da Universidade da Carolina do Norte, um dos responsáveis pela pesquisa.

O túmulo em questão foi descoberto em 1981 durante as obras de construção de um prédio no bairro de Talpiot, situado a menos de quatro quilômetros da Cidade Antiga de Jerusalém. Um ano antes, neste mesmo lugar, foi encontrado um túmulo que muitos acreditam ser de Jesus e sua família.

Ao lado do professor de Arqueologia Rami Arav, da Universidade de Nebraska, e do cineasta canadense de origem judaica Simcha Jacobovici, Tabor conseguiu uma permissão da Autoridade de Antiguidades de Israel para escavar o local entre 2009 e 2010.

Em uma das ossadas encontradas, que os especialistas situam em torno do ano 60 d.C., é possível ver a imagem de um grande peixe com uma figura humana na boca, que, segundo os pesquisadores, seria uma representação que evoca a passagem bíblica do profeta Jonas:
"Então alguns dos escribas e dos fariseus tomaram a palavra, dizendo: Mestre, quiséramos ver da tua parte algum sinal. Mas ele lhes respondeu, e disse: Uma geração má e adúltera pede um sinal, porém, não se lhe dará outro sinal senão o do profeta Jonas; Pois, como Jonas esteve três dias e três noites no ventre da baleia, assim estará o Filho do homem três dias e três noites no seio da terra." Mateus 12:38-40
A pesquisa, realizada com uma equipe de câmeras de alta tecnologia, também descobriu uma inscrição grega que faz referência à ressurreição de Jesus, detalhou à Agência Efe o professor Tabor, que acrescentou que essa prova pode ter sido realizada "por alguns dos primeiros seguidores de Jesus".

"Nossa equipe se aproximou do túmulo com certa incredulidade, mas os indícios que encontramos são tão evidentes que nos obrigaram a revisar todas as nossas presunções anteriores", acrescentou o especialista, que acaba de publicar um livro com todas as conclusões de sua pesquisa, "The Jesus Discovery".

O professor reconhece que suas conclusões são "controversas" e que vão causar certo repúdio entre os "fundamentalistas religiosos", enquanto outros acadêmicos seguirão duvidando das evidências arqueológicas da cristandade.

Anteriormente, essa mesma equipe de pesquisadores participou do documentário "O Túmulo Secreto de Jesus", produzido pelo cineasta James Cameron. Na obra, os arqueólogos encontraram dez caixões que asseguram pertencer a Jesus e sua família, incluindo Virgem Maria, Maria Madalena e um suposto filho de Jesus.

Segundo o documentário, as ossadas encontradas supostamente apresentavam inscrições correspondentes às identidades de Jesus e sua família, o que acaba reforçando a versão apresentada no livro "O Código da Vinci", de Dan Brown, o mesmo que indica que Jesus foi casado com Maria Madalena e que ambos teriam tido um filho juntos.
Fonte: http://br.noticias.yahoo.com/estudo-revela-novos-ind%C3%ADcios-ressurrei%C3%A7%C3%A3o-jesus-221453151.html

Assista abaixo uma entrevista (infelizmente a entrevista esta disponivel apenas em inglês) sobre este achado e as imagens do tumulo: